Kit alcon bacter, ictio, aqualife para tratamento de peixes

R$36,96

Medicamento bactericida

Indicações:
Labcon Bacter é composto de Sulfato de Neomicina, um agente antimicrobiano aminoglicosídico de largo espectro, com ação sobre bactérias gram-negativas. As bactérias de ocorrência nas doenças infecciosas dos peixes ornamentais pertencem, em grande parte, ao grupo gram-negativo. A sintomatologia destas bacterioses é muito variada e muitas vezes os peixes apresentam sintomas comuns causados por diferentes bactérias, além de outros agentes etiológicos como fungos e parasitas. Em muitos casos estas doenças apresentam-se em estado septicêmico (infecção generalizada), com as bactérias presentes em vários órgãos.

Alguns sintomas associados às bacterioses: Nadadeiras roídas; Ascite (hisia abdominal); Escamas eriçadas; Hemorragia no tegumento e base das nadadeiras; Ramificações vermelhas nas nadadeiras; Ventre retraído; Exoftalmia (olhos saltados); Úlceras (feridas) e abscessos (bolhas) na superfície do corpo; Perda de escamas; Deformação da coluna vertebral; Coloração escurecida; Letargia; Nado irregular; Respiração ofegante.


Algumas bacterioses e seus principais agentes etiológicos:

Doença da coluna ou Doença da sela: agente etiológico - Flexibacter columnaris e Flexibacter maritimus

Podridão bacteriana das nadadeiras: agentes etiológicos - Pseudomonas fluorescens, Aeromonas hyhila, Cytophaga psychrophila

Doença branquial bacteriana: agente etiológico - Flavobacterium branchiophila

Eritrodermatite (Furunculose) dos Ciprinídeos: agente etiológico - Aeromonas salmonicida

Septicemias bacterianas: agente etiológico - Aeromonas hyhilaPseudomonas spp e Edwardsiela tarda

Enteropatia da boca vermelha: agente etiológico - Yersinia ruckeri

Forma de uso
Dissolva o conteúdo da(s) cápsula(s) na água do aquário.
Para melhor diluição, dissolva previamente o conteúdo da(s) cápsula(s) em um copo com água, aplicando a seguir a solução no aquário a ser tratado. Não armazene solução para aplicações posteriores. A aplicação deve ser imediata após a preparação.

Descarte as cápsulas vazias.

Trate os peixes preferencialmente em aquário hospital, para não haver ação do medicamento sobre as bactérias do filtro biológico.

Durante as primeiras 8 horas após a aplicação, suspenda a filtragem, sem desligar o oxigenador. Em geral os sistemas de filtragem funcionam associados à oxigenação. Se não for possível desconectar o oxigenador do sistema, então não desligue a filtragem.


Dosagem: Aplique o produto na proporção de 1 cápsulas para cada 12,5 L de água.

Repita as aplicações a cada 24 horas durante 5 dias, preferencialmente após rápida sifonagem de fundo e troca parcial de água.

Caso seja necessário novo tratamento, garanta um intervalo mínimo de 15 dias entre os tratamentos.

Após 7 dias da abertura do sachê, as capsulas não utilizadas devem ser descartadas.

Ingredientes
Sulfato de neomicina 210 mg Excipiente 40 mg

 

 

-----

 

 

 

LABCON ICTIO - 15ML - ALCON

LABCON ICTIO é parasiticida de ação rápida, indicado pra peixes ornamentais no tratamento de doenças causadas por protozoários como ictiofitriase (ictio ou doença dos pontos brancos), Odoniose (doença do veludo) e costiose (costia), além de outros parasitas como os trematodos e monogenéticos (gyrodactylus, dactylogyros e cledodiscus).

INDICAÇÕES:

Ictiofitiríase
Nome comum: Íctio ou Doença dos Pontos Brancos
Agente Etiológico: Ichthyophthirius multifiliis
Sintomas: Presença de pontos brancos espalhados pelo corpo e pelas brânquias dos peixes. Estados elevados de infestação podem apresentar hemorragias na pele, nadadeiras e brânquias. Ocasionalmente o peixe infestado reage esfregando o corpo nos objetos do aquário. Devido ao comprometimento das brânquias, também poderá apresentar dificuldade de respiração, nadando na superfície em busca do ar atmosférico.

Oodiniose
Nome comum: Doença do Veludo
Agente Etiológico: Oodinium pilullaris
Sintomas: O corpo do peixe apresenta-se com aspecto aveludado, daí o nome comum da doença. Semelhante ao Íctio, este parasita se aloja na pele, nadadeiras e brânquias, provocando prurido e dificuldade de respiração, porém com maior intensidade. É comum se constatar sintomas de asfixia nos peixes infectados.

Costiose
Nome comum: Costia
Agente Etiológico: Costia necatrix
Sintomas: Os peixes apresentam manchas esbranquiçadas na pele e ramificações vermelhas nas nadadeiras. Os exemplares afetados costumam se esfregar nos objetos e no fundo do aquário devido ao prurido gerado.

Doenças causadas por monogenéticos
Agentes Etiológicos: Principalmente os ectoparasitas das famílias Gyrodactylidae e Dactylogyridae sendo os gêneros Gyrodactylus, Dactylogyrus e Cleidodiscus seus principais representantes
Sintomas: Respiração rápida e ofegante na superfície da água. Intensa produção de muco nas brânquias e superfície do corpo. Em casos extremos é possível observar os parasitas aderidos às brânquias e às nadadeiras. Os danos causados às brânquias podem levar à asfixia e morte.

Forma de uso
Aplique o produto no aquário à noite ou nos períodos de menor incidência de luz. Durante as primeiras oito horas após a aplicação, mantenha as luzes desligadas e suspenda a filtragem, sem desligar o oxigenador. Em geral os sistemas de filtragem funcionam associados à oxigenação. Se não for possível desconectar o oxigenador do sistema, então não desligue a filtragem.

Dosagem:
Aplique o produto diretamente na água, na proporção de 1 gota para cada 2 L de água.Exclusivamente para casos de Oodiniose use 1 gota por litro. Repita as aplicações a cada 48 horas até o desaparecimento dos sintomas.

Precauções de Uso:
Não é recomendado a utilização do produto em peixes que apresentam hipersensibilidade ao principio ativo do medicamento, como: peixe faca, tetra-neon e alguns peixes sem escamas.

Verifique a dureza em carbonatos (KH) (Labcon Test Dureza Em Carbonatos Kh) ou alcalinidade da água antes de aplicar o produto. Não é recomendável o uso do produto em águas com KH inferior a 50 ppm (3 °dH).

Não é recomendado a utilização de Labcon Protect Plus durante o tratamento com Labcon Icitio. Para remoção do cloro, nas trocas parciais, utilize Labcon Anticlor.

Labcon Ictio normalmente muda a coloração da água, em aproximadamente 48 h após o termino do tratamento a água retorna a sua coloração normal. Porém pode haver manchas no silicone, dependo da qualidade do material.

Ingredientes
Verde malaquita 0,60 g Azul de metileno 0,30 g Sulfato de magnésio 0,30 g Cloreto de potássio 0,20 g Sulfato de cobre 1,00 g Veículo q.s.p 100 ml

 

 

--------

 

 

LABCON AQUALIFE - 15ML - ALCON

Produto de ampla ação usado como fungicida no tratamento de saprolegnioses (doença dos tufos de algodão) e como auxiliar no tratamento de parasitoses, em especial oodiniose (doença do veludo), ictiofitriase (Íctio dou doença dos pontos brancos) e costiose (costia). Recomendado para aplicações preventivas no aquário ou na embalagem de transporte.

Forma de uso:
Suspenda temporariamente a filtragem sem desligar o oxigenador. A maioria dos sistemas de filtragem funciona associados à oxigenação. Se não for possível desconectar o oxigenador do sistema, então não desligue a filtragem.

Dosagem: Aplique o produto diretamente na água, na proporção de 1 gota para cada 2 L de água. Repita as aplicações a cada 48 horas, até regressão dos sintomas.

Em caso de associação com parasiticidas, como Labcon Ictio, aplicar 1 gota para cada 4 L de água.

Labcon Aqualife normalmente muda a coloração da água, em aproximadamente 48 h após o termino do tratamento a água retorna a sua coloração normal. Porém pode haver manchas no silicone, dependo da qualidade do material.

Ingredientes
Acriflavina (cloridrato) 0,45 g Veículo q.s.p 100 ml